top of page

Secretário Executivo do Estado é acusado de assédio moral e sexual




O secretário executivo de infraestrutura e desenvolvimento econômico da capital, Milton Neris de Santana, foi acusado por servidoras da pasta ainda no dia 28 março [reclamação registrada na ouvidoria geral do estado] alegando que o secretário a chamava de " minha princesa, minha paixão, na frente de todos" de acordo com a servidora, ela estaria tomando remédios para ansiedade e dor no estômago por conta desse fato alegado.


Outra servidora de 41 anos, de acordo com informações publicadas no site jornaldotocantins.com.br, teria registrado um boletim de ocorrência no dia 14 de setembro, esta imputa ao secretário executivo assédio moral, este crime é bem diferente da outra acusação, no entanto, a mulher que registrou boletim de ocorrência alegando assédio moral por telefone ao jornal do Tocantins acusa o secretário executivo de assediar outras mulheres, a servidora ainda alegou que Milton gritou com ela em razão de uma reunião marcada sem a anuência dele, de acordo com a própria matéria a servidora alega que o secretário executivo a chama de "princesa" e "paixão", "Ele chamava a gente de princesa e de paixão não importa onde estivesse que ele queria mostrar alguma intimidade muito próxima com a gente."


A secretaria de Estado de Indústria, Comércio e Serviço informou que está apurando os fatos, para eventual responsabilização, afirmou ainda não compactuar com condutas denunciadas ou outras que atentem contra o respeito e a ética profissional dos servidores, o secretário executivo Milton Neres nega ter cometido assédio sexual e diz ver com estranheza que as vítimas tenham preferido registrar denúncias no anonimato apenas na ouvidoria para um crime que considera "terrível." O opinativo político continuará acompanhando o caso até o desfecho das apurações


232 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page