top of page

Preso em Flagrante Criminoso ameaça processar Polícia e Afirma: “Vou ser solto em questão de meses, pois a justiça não funciona”



O temido indivíduo de 32 anos, conhecido por seus inúmeros delitos, especialmente furtos e roubos em estabelecimentos comerciais em todo o Tocantins, agora enfrenta a justiça após sua prisão em flagrante pela Polícia Militar, no último dia 28 de janeiro. O cumprimento de um mandado de prisão preventiva, emitido pela Vara Criminal de Araguaína, finalmente encerrou a caçada pela Divisão Antirroubos da Polícia Civil (DRR - Araguaína).


De acordo com o delegado Felipe Crivelaro, o criminoso foi indiciado por uma série de roubos em postos de combustíveis, entre 2015 e 2018, além de outros delitos em lojas da cidade no mesmo ano. Seu modus operandi era tão característico que sua captura ocorreu após uma série de crimes em Paraíso.


“Após minucioso trabalho investigativo, a Divisão Antirroubos representou pela prisão preventiva do suspeito ainda em 2018, ocasião em que ele se evadiu da cidade e permaneceu foragido até ser preso em janeiro deste ano”


No momento de sua prisão em flagrante, o foragido estava de posse de uma arma de fogo e mais de R$ 6 mil reais, em espécie. Ao ser algemado, o indivíduo disse aos policiais que a justiça não funciona. “Vou ser solto em questão de meses, pois a justiça não funciona”.


Para piorar a situação do comentário anterior, segundo os policiais responsáveis pela prisão, o sujeito ainda teve a audácia de perguntar os nomes dos responsáveis por sua prisão, afirmando que iria processá-los posteriormente


“Em uma atitude intimidatória e descabida, o indivíduo ainda ameaçou processar os agentes da lei que o localizaram e prenderam, como se eles estivessem agindo de forma arbitrária, quando, na verdade, o homem é procurado pela justiça por vários roubos em Araguaína e ainda é suspeito de praticar os roubos em Paraíso”, disse. 


Sua reação desafiadora, afirmando que a justiça não funciona e ameaçando processar os policiais responsáveis por sua prisão, mostra a audácia de um criminoso ciente de suas ações.


Para as autoridades policiais, a captura desse indivíduo representa uma vitória significativa na luta contra o crime no Tocantins. Sua prisão não apenas traz justiça para suas vítimas, mas também protege a população contra um elemento perigoso que causava terror nas ruas.


Com a prisão, o criminoso agora permanece à disposição do Poder Judiciário, aguardando julgamento na Unidade Penal Regional de Paraíso.

260 visualizações1 comentário

1 комментарий

Оценка: 0 из 5 звезд.
Еще нет оценок

Добавить рейтинг
Гость
13 мар.

Mentir ele não mentiu

Лайк
bottom of page