FALAR BESTEIRA NO BRASIL É MAIS GRAVE QUE ROUBAR A NAÇÃO?



É fato comprovado que o deputado Arthur do Val (sem partido), falou besteira no exterior, devendo ser punido pelos seus atos de uma maneira que dê exemplo para outros pares que se aventurem a fazer o mesmo, todos independente de bandeira política concordam com este posicionamento.


A sociedade brasileira não aceita a atitude de Arthur do Val e não erra neste ponto, no entanto, aceitam que um ex-presidiário, condenado em 1ª instância, em 2ª instância por três desembargadores, no STJ por 5 ministros e teve a prisão autorizada pelo STF que outrora desfez a prisão, mas não o considerou inocente em nenhum momento.


O que nós brasileiros estamos priorizando? Como não aceitamos um irresponsável falando besteiras, mas aceitamos um bilontra feito Luís Inácio Lula da Silva, vulgo Lula, concorrer a eleição para presidente da república?

É necessário medir as punições, como diz o velho ditado: "pau que dá em Chico dá em Francisco".




122 visualizações0 comentário