top of page

CREA-TO Manifesta Repúdio à Nomeação na Eletrobrás


O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Tocantins (Crea-TO) expressa veementemente sua discordância em relação à recente nomeação de um profissional desprovido de formação técnica específica para ocupar a posição de vice-presidente de Engenharia de Expansão na Eletrobrás.


Em um comunicado oficial, o Crea-TO destaca a preocupação com a escolha de dirigentes para uma empresa de suma importância estratégica como a Eletrobrás, que não leve em consideração os critérios técnicos indispensáveis para o avanço tecnológico e o desenvolvimento sustentável do país. Embora reconheça a trajetória profissional do advogado nomeado, o Conselho reitera a urgência de revisão dessa decisão, enfatizando a necessidade premente de observar critérios de formação, habilitação e experiência compatíveis com as exigências das atividades desempenhadas.


De acordo com a nota, a revisão desta nomeação é crucial para reafirmar o compromisso da Eletrobrás com a excelência operacional, a expertise técnica e o respeito à qualificação profissional. O Crea-TO, em conjunto com os demais Conselhos Regionais, reforça a defesa dos princípios éticos e técnicos que norteiam as engenharias, agronomia e geociências, buscando garantir a valorização dos profissionais e a proteção da sociedade como um todo.


Neste sentido, o Crea-TO conclama a Eletrobrás a rever sua decisão, alinhando-se aos padrões de excelência e competência técnica que são indispensáveis para o progresso e a segurança do setor energético nacional. A cooperação entre as instituições é fundamental para assegurar o respeito à formação e competência dos profissionais da área e, consequentemente, promover o desenvolvimento sustentável do país.


Confira a nota na íntegra:


"O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Tocantins (Crea-TO) vem a público manifestar repúdio à nomeação de um profissional sem formação técnica específica para a vice-presidência de Engenharia de Expansão da Eletrobrás.


Uma empresa estratégica como a Eletrobrás não pode desconsiderar critérios técnicos na escolha de seus dirigentes, comprometendo o avanço tecnológico e o desenvolvimento sustentável do país. Com todo o respeito à trajetória profissional do advogado nomeado, o Conselho reforça a necessidade de revisão dessa decisão, respeitando critérios de formação, habilitação e experiência compatíveis com as exigências das atividades desempenhadas, visando a excelência operacional e o respeito à formação e competência dos profissionais da área.


A revisão da nomeação reafirmará o compromisso da Eletrobrás com a excelência operacional, a expertise técnica e o respeito à qualificação técnica. O Crea-TO, em colaboração com os demais Conselhos Regionais, defende os princípios éticos e técnicos que regem as engenharias, agronomia e geociências, e busca assegurar a valorização profissional e a proteção da sociedade."



105 visualizações0 comentário

コメント

5つ星のうち0と評価されています。
まだ評価がありません

評価を追加
bottom of page