top of page

Amastha exige fidelidade de Moisemar em meio a rumores de divergência política



Em uma entrevista exclusiva ao Jornal Opção, o líder político Amastha abordou questões cruciais sobre a lealdade partidária e as alianças políticas em meio às eleições municipais. Ao ser questionado sobre a aparente simpatia do deputado estadual Moisemar Marinho por outras pré-candidaturas à prefeitura, Amastha foi incisivo ao afirmar que a fidelidade partidária é uma obrigação inegociável.


"Nunca orientamos nenhum dos nossos filiados a fazer uma oposição sistemática aos governos, tanto municipal quanto estadual. Portanto, não considero isso oposição, porque tudo que for bom, nossos aliados têm que votar junto", declarou Amastha, destacando a importância da cooperação dentro do partido.


Sobre as ações de Moisemar Marinho em apoiar o governo local, Amastha ressaltou que não há problemas, mas quando se trata das eleições municipais, a fidelidade ao partido é imperativa. "Não há discussões quanto a isso. É obrigação dele estar na luta do partido, porque a eleição dele para deputado estadual foi feita por todos nós. O investimento foi gigantesco para ele ser eleito. Seria insanidade dele não ficar conosco", enfatizou.


Amastha também vislumbrou o futuro político de Moisemar Marinho, indicando uma possível candidatura à federal em 2026. "Além do mais, ele tem uma perspectiva brilhante de ser nosso candidato a federal em 2026", revelou, destacando a confiança no potencial do político.

211 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page